Parque Municipal Antônio Rosa

O Parque Municipal Antônio Rosa é o atrativo mais visitado de São Thomé das Letras. Trata-se de um Conjunto Paisagístico, tombado pela Prefeitura Municipal de São Thomé das Letras, através do Decreto nº 041 de 11 de setembro de 2002, ficando denominado que o Parque Municipal Antônio Rosa de São Tomé das Letras situa-se no ponto mais alto da cidade; sendo composto pela Pirâmide, o Cruzeiro, a Pedra da Bruxa, o Mirante e a Toca do Leão.

O Parque Municipal Antônio Rosa é um bem que precisa ser cuidado e preservado devido sua importância “ao contexto social, histórico, cultural e econômico do município”. Considera-se que o parque é o atrativo turístico mais visitado da cidade de São Thomé das Letras, sendo, portanto, um local muito apreciado por turistas cada vez mais conscientes.

Picos de Meditação no Parque Municipal Antônio Rosa

City Tour Portal São Thomé

Inicie seus passeios na cidade visitando o Centro Histórico e Igreja Matriz de São Thomé das Letras, siga em direção aos atrativos do Parque Municipal Antônio Rosa e termine os passeios visitando o Conjunto Arquitetônico e Urbanístico da Capela de Nossa Senhora do Rosário, conforme apresentado no mapa abaixo:

City Tour Portal São Thomé

Explorar Maps

Foto Aérea do Parque Municipal Antônio Rosa

O Parque Municipal Antônio Rosa está a uma altitude de 1.430 metros acima do nível do mar, na crista da Serra das Letras. Nesta publicação vou inserir informações sobre os atrativos turísticos destacados do “Conjunto Paisagístico”: a Pirâmide, o Cruzeiro, a Pedra da Bruxa, o Mirante e a Toca do Leão.

Parque Municipal Antônio Rosa Conjunto Paisagístico São Thomé das Letras

A Pirâmide

A Pirâmide em São Thomé das Letras, conhecida também como Casa da Pirâmide, trata-se de uma construção de forma piramidal, com várias janelas que proporcionam acesso às diversas constelações. Um excelente local para observar a cidade, os vales e as montanhas. Oferece visão de 360º.

Foto Aérea da Pirâmide em São Thomé das Letras

É considerado o ponto de encontro dos turistas para se avistar o pôr do Sol.

TV Pirâmide Portal São Thomé

Diversos relatos dão conta do avistamento de ÓVNIS e seres extraterrestres neste local foi fonte de estudo de diversos especialistas que até hoje têm opiniões diferentes a respeito das experiências.

Parque Municipal Antonio Rosa Pirâmide em São Thomé das Letras

O Cruzeiro

O Cruzeiro, segundo consta, data do período colonial. Afirma-se que foi em torno deste que surgiram os primeiros povoamentos. Este era o marco final das procissões de Semana Santa e dos doze Passos de Cristo. Segundo afirmou-se, o Cruzeiro foi derrubado por um raio e no seu lugar foi erigida a Casa da Pirâmide, que se tornou uma referência do município. Atualmente o Cruzeiro está posicionado em local pouco adiante do “original”.

Parque Municipal Antonio Rosa Cruzeiro em São Thomé

O Cruzeiro destaca-se como ponto chave para todos aqueles que querem observar o ciclo da vida, isto é, é um ótimo local para avistar o nascer e o pôr do sol, bem como, o nascer da lua, sentir as noites frias e avistar milhares de estrelas.

Cruzeiro Nascer do Sol Parque Municipal

Publicamos a foto de um OVNI tirada por uma turista que estava no Cruzeiro e a incluímos na publicação O que fazer em São Thomé das Letras.

Cruzeiro e Pirâmide no Parque Municipal Antônio Rosa

A Pedra da Bruxa

A Pedra da Bruxa está localizada próxima do Cruzeiro. Trata-se de uma formação rochosa que lembra a face e a silhueta de uma bruxa. Portanto, por ter este nome atrai centenas de turistas de diversos níveis e culturas. Precisa-se ter cuidado ao ficar sobre a mesma porque o vento sopra com força e a “bruxa oculta” pode te derrubar.

Parque Municipal Antonio Rosa Pedra da Bruxa em São Thomé das Letras

A uma altitude de 1.309m, é um local ideal para se admirar o nascer e o pôr-do-sol e do seu topo é possível obter uma visão de 360°. Além disso, a Pedra da Bruxa possui estimados 10m de comprimento por 5m de largura, com 10m de altura e no chapéu registra-se um diâmetro de 5m². Esportistas preferem praticar rapel no local.

Rapel em São Thomé das Letras Esportes e Aventuras

Parque Municipal Antonio Rosa Pedra da Bruxa em São Thomé

O Mirante

O Mirante de São Thomé das Letras, conhecido também como Casa dos Ventos, foi construído em 1982 e abandonado após sua obra ter sido embargada pela prefeitura. É um local bastante frequentado porque oferece uma ótima visão para os intensos vales verdes.

Parque Municipal Antonio Rosa Mirante em São Thomé

Do local é possível ter uma visão de 360º de São Thomé das Letras e além. Ideal para pessoas que procuram a paz e a harmonia com os reinos da natureza. Legal para um grupo de amigos que queiram bate papo e sentir bem-estar junto a natureza.

A Toca do Leão

A Toca do Leão está localizada próximo do campo de futebol, na saída para Baependi. Os mais antigos contam que a formação rochosa era de dois animais, sendo que um deles estava engolindo o outro, mas infelizmente, um visitante despreparado arrancou as cabeças. Se a caminhada até a toca for feita pelo Parque Municipal Antônio Rosa, apreciará uma boa vista.

Parque Municipal Antonio Rosa Toca do Leão em São Thomé

Plantas e animais no parque

A flora do parque é composta de espécies como: mamoneira, quaresmeira, candeia, samambaia, liquens, bromélia, butiá, alecrim do mato, entre outras. A fauna compõe-se de: cigarras, camaleões, escorpiões, cobras cascavel, gafanhotos, grilos, aranhas, lagartos, entre outros.

Flores no Parque Municipal Antônio Rosa

Espécies de Flores em São Thomé das Letras

É bastante famoso entre visitantes e turistas devido à belíssima visão 360° da região montanhosa, além da privilegiada visão do nascer e pôr do Sol. Há quem afirma já ter avistado inúmeros objetos voadores não identificados dali.

O Conjunto Paisagístico do Parque Municipal Antônio Rosa é a única área remanescente, ainda preservada, desta especial formação geológica a qual constituí o município de São Thomé das Letras, composta por tocas, lajes, formações rochosas e paredões os quais apresentam vegetação nativa e exótica, além de oferecerem abrigo para fauna constituída por pequenos animais e aves diversas.

Belas Flores no Parque Municipal Antônio Rosa

Resumo Histórico sobre o Parque Municipal Antônio Rosa

Em 1959, o terreno da localidade pertenceu a Florentino Antônio de Medeiros, passando para outros proprietários, até que em 9 de abril de 1966, Maria Cornélia, viúva de Miguel Rosa Teodoro, conhecido como Joaquim Rosa Teodoro vendeu para o Instituto Cultural de São Thomé das Letras, na ocasião representado por Céu Schuler Alexandrino da Silva. Em 27 de junho de 1991.

O Instituto Cultural de São Thomé das Letras, o qual teve sua denominação alterada para Instituto Cultural Sumé, doou o referido imóvel para a Instituição denominada “Sentinelas do Leão”. Nesta ocasião a Prefeitura recebeu parte do terreno para que fosse construído hospital, quadra e o sistema de captação de água proveniente da mina ali existente.

O Parque Municipal tem por finalidade:

A – Resguardar os atributos excepcionais da natureza da Região;
B – A Proteção integral da Flora, da Fauna, e demais Recursos Naturais, com utilização para objetivos Educacionais, Científicos, Recreativos e Turísticos;
C – Assegurar condições de Bem-Estar Público;
D – Proteger os Sítios de excepcional beleza cênica e seu valor Científico e Histórico.

Aos visitantes e moradores é proibido qualquer forma de exploração dos Recursos Naturais na área do Parque, bem como a supressão total ou parcial desta área.

Por que o parque foi tombado?

Foi dito, em parecer, que o tombamento do parque deveria ser considerado como de “extrema importância e urgência”. Argumentou-se que:

Localizado no alto de uma montanha de quartzito, o tombamento tem por finalidade a preservação do ecossistema local e do conjunto paisagístico rico em afloramento de rochas e características morfológicas típicas da crista dessas montanhas que compõem o relevo acidentado e peculiar encontrado nas serras de São Thomé das Letras.

Quais são as diretrizes de proteção para o Conjunto Paisagístico?

São elas:

1. Resolver questões jurídicas pendentes;
2. Limpar e manter limpo todo o Parque, inclusive a Casa da Pirâmide;
3. Colocar lixeiras adequadas em locais chave;
4. Colocar placas em todas as ruas de acesso sinalizando o início da área do Parque;
5. Colocar placas sinalizando os caminhos para os bens imóveis;
6. Colocar placas informativas junto aos bens móveis;
7. Colocar placas conscientizando quanto à importância da preservação da área;
8. Oficina “Contando o Parque”: trabalho a ser realizado em conjunto com a Escola Estadual José Cristiana Alves e com o DETUR – Departamento de Turismo da Prefeitura Municipal com o objetivo de criar uma trilha interpretativa do Parque;
9. Planejamento de atividades visando a reintegração saudável de bens como a Casa da Pirâmide e o Mirante aos usos sociais;
10. Criar e aprovar legislação relativa à proteção dos perímetros de tombamento e de entorno do Parque.

Quem foi Antônio Rosa?

Antônio Rosa Parque Municipal de São Thomé das Letras

O contador de histórias. “Antônio Rosa é a rosa negra da cidade, contador de histórias, capaz de olhar fundo nos olhos dos outros e adivinhar segredos da alma.” Também atuou como extrator de pedras e foi o primeiro guia turístico da cidade. Faleceu em 12 de junho de 1988. A Família Rosa é uma família tradicional da cidade e mantém viva a memória do seu patriarca.

Seu irmão, Zé Rosa, teve papel parecido, morreu e passou a missão para Antônio, que vai passar para seu filho. É Caso de consciência, de respeito à própria cultura, acho que aprendeu com as pedras que é conservar a essência, a memória. Um homem que irradia um sentimento de paternidade, que gosta das pessoas que vão a cidade e chora como menino às vezes. Muitos não o entendem, mas o dia virá em que vai fazer parte das histórias de lugar que ama e respeita”.

Placa Instalada em Homenagem ao Antônio Rosa

Homenagem ao Antonio Rosa - A Rosa Negra da Cidade

Outras construções localizadas no parque

Outras construções existentes no interior do parque são a ONG de Reciclagem “Brilho de Luz”, fundada em 1999, e a Associação Viva Criança. No final da década de 1990 foram construídos 3 (três) reservatórios da COPASA, em terras doadas pela Prefeitura. Para além, também se construiu uma pista de skate e a estação da Rádio Base da empresa de telefonia.

Fontes pesquisadas:

MPMG – Promotoria Estadual de Defesa do Patrimônio Cultural e Turístico
Mário Lúcio de Oliveira Flecha – Jornal O Estado de Minas – 8 de maio de 1984
Livro de Visitas do Receptivo Turístico Escravo João Antão – Abertura em 30/07/2009
Detur – Departamento de Turismo, por Evaldo dos Reis Pompeu.
Inventário de Proteção do Acervo Cultural – IPAC – 2009 – EXERCÍCIO 2010
Portal São Thomé: https://saothomedasletras.net/
KAYAPÓ, Ricardo. De Letras em Letras. 1ª Ed. São Thomé das Letras: Caminhos de Minas, 2005.

O que fazer | 10 motivos para visitar | FAQ

CONTE-NOS SOBRE SUAS EXPERIÊNCIAS NA CIDADE

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui